«Distrito financeiro»?

Sempre do mesmo sítio

 

 

      «A polícia crê que terá sido a mesma pessoa — um homem branco com idade entre os 35 e 45 anos — que, após os disparos na recepção do Libération, se dirigiu para o distrito financeiro de Paris, em La Défense, e atirou contra a fachada de uma das duas torres do banco Societé Générale [sic]. Este indivíduo é também suspeito de, na sexta-feira, ter entrado na recepção da televisão BMF e, depois de tirar dois cartuchos da sua arma, deitando-os para o chão, ter ameaçado: “Para a próxima, não vou errar.”» («Polícia conhece o rosto do atirador de Paris», João Ruela Ribeiro, Público, 20.11.2013, p. 31).

      «Distrito financeiro»? Hum... Não temos esta acepção em português. E mesmo alguns dicionários de língua francesa atestam que se trata de anglicismo.

 

  [Texto 3554]

Helder Guégués às 10:16 | comentar | favorito
Etiquetas: