Léxico: «engraçadismo»

É mais uma

 

 

      «Só que, diante disto, confesso que os meus sentimentos se misturam. Por um lado, acho comovente que o Pacheco Pereira que leio há mais de 20 anos, o homem cerebral, racional, antidemagógico, opositor do engraçadismo, combatente de todas as simplificações, se transforme subitamente num vulcão de emoções, de indignação e de acusações simplistas. Por outro, faz-me confusão a falta de critério desta sua análise e a forma como ela legitima o silêncio sobre a mais urgente pergunta dos nossos dias: o que fazer a seguir?» («Carta a Pacheco Pereira ­– parte I», João Miguel Tavares, Público, 26.11.2013, p. 56).

      Não sabia que esta palavra — e «engraçadista», que li numa crónica de Ferreira Fernandes — circulava por aí.

 

  [Texto 3586]

Helder Guégués às 10:27 | favorito
Etiquetas: