Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Linguagista

O que se escreve por aí

Sem graça

 

 

    «É preciso ser-me [sic] mesmo muito mau ministro para, numa discussão com Mário Nogueira, perder a razão para Mário Nogueira. Mas foi precisamente isso que Nuno “Implosão” Crato conseguiu com esta prova moralmente injusta — porque atinge apenas os mais fracos — e politicamente idiota — porque humilha os professores sem necessidade. Deus nos livre, pois, dos iluminados, que, por acharem que sabem perfeitamente para onde vão, fecham os olhos a todas as injustiças que lhes aparecem pelo caminho» («O chumbo de Nuno Crato», João Miguel Tavares, Público, 17.12.2013, p. 52).

    Que afirmação tão estúpida, tão sectária, tão deselegante, caro João Miguel Tavares. A merecer uma vigorosa bengalada.

 

  [Texto 3680]

Comentar:

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.