«Biblioteca Bodleiana»

Mais uma vez

 

 

      aqui falei disto, mas agora com uma abonação de peso: «Depois dos museus vi, embora muito de fugida, a Biblioteca Bodleiana, assim denominada de Tomás Bodley, que a fundou nos começos do sec. XVII, ampliando a antiga livraria universitaria» (De Campolide a Melrose, José Leite de Vasconcelos. Lisboa: Imprensa Nacional de Lisboa, 1915, p. 96).

    Pois claro que os confusionistas do costume não aceitam — a não ser que, declaram-no ingenuamente, pudessem vê-la nos dicionários. De fugir.

 

  [Texto 3861]

Helder Guégués às 15:03 | favorito
Etiquetas: