Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Linguagista

«Bom samaritano»

O que se usa

 

      «O atirador terá cometido suicídio depois de ter sido baleado por um “bom samaritano” chamado Stephen Willeford que estava junto à igreja e encetou uma perseguição, indicam as autoridades texanas» («​Atirador do Texas tinha problemas com a sogra», Rádio Renascença, 6.11.2017, 21h36).

      Aquilo do bom samaritano (e as aspas?) não é da cabeça do jornalista da Renascença, eu sei, mas será mesmo adequado? Decerto, o indivíduo é digno de todos os louvores, e nem é preciso ver o E Se Fosse Consigo?, da SIC, para concluir que a coragem está pelas ruas da amargura. Nos tempos que correm, coragem — coragem para destilar ódio — só atrás do computador e anónimo. Seja como for, bom samaritano devia estar em todos os dicionários. Estranhamente, no Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora, no verbete do adjectivo samaritano, está este sentido figurado: «caritativo». E não falta nada? Ah, sim, já vem assim nos dicionários há décadas e décadas, mas, na prática, é sempre «bom samaritano» que usamos para nos referirmos ao homem bom, salvador.

 

[Texto 8301]

Comentar:

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.