Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Linguagista

«Capô/tejadilho»

Trocam tudo

 

 

       «O carro está equipado com sensores e um laser no topo do capot que captam informação sobre o ambiente exterior em todas as direções (não há ângulos mortos), detetando obstáculos e distâncias, e tem um software que integra toda a informação, bem como um mapa detalhado da zona em que se faz a circulação» («Google cria carro ‘fofinho’ para quem não quer conduzir», Filomena Naves, Diário de Notícias, 29.05.2014, p. 26).

      Mais uma confusão clássica. O que se lê na imprensa internacional é que o carro tem «a laser sensor on the roof constantly scans the surroundings», e roof, em inglês, é «the structure forming the upper covering of a building or vehicle», ou seja, o nosso tejadilho; «capô» diz-se em inglês bonnet ou hood, «the hinged metal canopy covering the engine of a motor vehicle». Os tradutores confundem frequentemente «tecto» com «telhado», os jornalistas confundem «capô» com «tejadilho».

 

[Texto 4641]

Comentar:

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.