Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Linguagista

«Cogumelos portobelo»

Aceitamos

 

      Ora aqui está uma boa receita de empada de carnes de caça, ervas e cogumelos. E que cogumelos? Ei-los: «100 g de cogumelos portobelo» (Papa-Quilómetros, Ljubomir Stanisic. Alfragide: Casa das Letras, 2011, p. 311). E, de facto, porque havemos de escrever «portobello»? Ao que parece (mas há outras hipóteses, como podem ver aqui), a designação provém de Portobello Road, em Londres. Para os tornar mais apetecíveis, alguém se lembrou, na década de 1980, de dar ao Agaricus bisporus esta designação comercial. Depressa a maiúscula inicial foi trocada por minúscula, o que está muito bem. Pouco depois, passou também a ser portobella, portabello, etc. O nome comum recomendado em inglês é cultivated mushroom, completamente desenxabido, não é? Portanto, ainda que não fosse intencional, Ljubomir Stanisic está de parabéns. Sim, mesmo que seja gralha e saibamos que quase todos preferem ser chefs e não chefes. Será doravante portobelo, e, como não fico nunca pelas teorias, acabei agora mesmo de o usar com esta grafia numa revisão.

 

[Texto 6634]

Comentar:

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.