Como se escreve nos jornais

Desgraça II

 

      «“Guerreira”, “resistente”, “uma força da natureza” são alguns dos adjetivos com que familiares, amigos, responsáveis e funcionários do Lar da Fundação Lopes da Fonseca qualificam o feito da dona Fernanda da Costa, que, com 106 anos de idade, foi infetada pelo novo coronavírus» («‘Fernanda da Esperança’ vence duas pandemias», Luís Oliveira, Correio da Manhã, 31.12.2021, p. 3).

 

[Texto 14 613]

Helder Guégués às 10:30 | favorito
Etiquetas: ,