Como se fala na rádio

Muitas vezes, assim

 

      «“As verdades que não se gostam são consideradas notícias falsas e isso é perigoso para a vida da democracia”, é o que se pode ler no editorial do New York Times [«But insisting that truths you don’t like are “fake news” is dangerous to the lifeblood of democracy.»]» (noticiário das 14h00, repórter Mário Galego, Antena 1, 16.08.2018). Como é que um jornalista se exprime assim, como? Pois, não sei. Além do mais, é um péssimo exemplo para o falante menos preparado, e não estou a pensar só na senhora do «adulcente» ou no autor do «manti».

 

[Texto 9800]

Helder Guégués às 08:40 | comentar | favorito
Etiquetas: ,