«Cônjuge», uma palavra amaldiçoada

Há poucas assim

 

      «Atualmente, a Constituição romena diz que um casamento é uma união entre “conjugues”, não definindo sexo nem orientação sexual» («Roménia vai referendar definição constitucional de “família”», Rádio Renascença, 12.09.2018, 14h53).

      Pobres Romenos, e pobres jornalistas, leitores e ouvintes. Então não é cônjuge, caramba? E conseguirão articular a palavra sem umas sessões de terapia da fala? E escrevê-la sem um professor ou revisor ao lado? Há poucas palavras tão maltratadas como «cônjuge»: estropiam-na na oralidade e na escrita, e aqui de várias maneiras. E, para cúmulo, deram em falar de «o» cônjuge e «a» cônjuge. A palavra é do género masculino!

 

[Texto 9906]

Helder Guégués às 16:58 | comentar | favorito | partilhar
Etiquetas: ,