«Em detrimento de»

Na dúvida, nunca

 

    «Ontem, dia de Natal, no Twitter, Thom Yorke [dos Radiohead] dissipou todas as dúvidas. O músico confirmou que de facto a banda tinha sido convidada, mas que o tema que tinham composto não tinha funcionado. “Mas tornou-se algo nosso, de que gostamos muito”, escreveu o músico numa declaração que pode ser lida também no Soundcloud. A banda aproveitou ainda para desejar um bom Natal. “Que a Força esteja convosco”, concluiu, numa referência à Guerra das Estrelas e em detrimento de 007» («007 recusou-a, Radiohead fizeram dela uma prenda de Natal», Cláudia Lima Carvalho, Público, 26.12.2015, p. 48). 

      Tenho sérias dúvidas que a locução prepositiva «em detrimento de» seja adequada neste contexto. E, na dúvida, nunca usaria.

 

[Texto 6504]

Helder Guégués às 10:11 | favorito
Etiquetas: ,