Errar em todas as línguas

Comida rápida

 

 

      «Nos países desenvolvidos, Portugal está entre aqueles que apresentam menor obesidade e menor consumo de fastfood, segundo um estudo divulgado pela Organização Mundial da Saúde (OMS), que estuda a obesidade, hábitos de consumo e a liberalização comercial de bens alimentares. Este é o primeiro estudo que investiga o papel da liberalização dos mercados no consumo de comida rápida (fastfood) e no aumento do índice de massa corporal (IMC), incluindo pela primeira vez o número de transações [sic] da chamada fastfood» («Portugal está entre países desenvolvidos com menor consumo de fastfood», Público, 4.02.2014, p. 7).

      Comida rápida. Tão rápida que no Público não atinam com a grafia da palavra.

 

[Texto 3979]

Helder Guégués às 06:31 | comentar | favorito
Etiquetas: ,