Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Linguagista

Esquartejaram Milfontes em Mil Fontes

Odemira-te

 

      «Perguntei-lhe onde estávamos e ele respondeu-me que na escuna do capitão António de Faria, o Esquartejador. Havia sido capturado quando fazia surf ao largo de Vila Nova de Mil Fontes» (Fantasia para Dois Coronéis e Uma Piscina, Mário de Carvalho. Lisboa: Porto Editora, 2015, p. 123).

   Há aqui mais do que um esquartejador... Quem desmembrou Milfontes? O autor, com a cumplicidade do revisor. E, na minha ingenuidade, Mário de Carvalho optava sempre por formas mais afeiçoadas ao português, e, no caso vertente, por «surfe». Andava bem enganado. Esta obra promete, sim senhor. Temos de voltar.

 

[Texto 5941]

1 comentário

Comentar post