Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Linguagista

«Eu corto-te a cabeça fora»?

Língua trucidada

 

      Um dos terroristas do último atentado de Londres, aqui há uns meses, embrulhou-se à pancada com um toxicodependente numa farmácia de Barking, e acabou por lhe dizer: «I cut your head off!» Já era uma vocação amadurecida. Edgar Caetano, o repórter do Observador que escreveu uma reportagem sobre o caso, acha — e é convicção, porque o repete várias vezes — que se traduz assim (e que Alá lhe valha): «Eu corto-te a cabeça fora.» Talvez isto seja português de Barking.

 

[Texto 7906]

3 comentários

Comentar post