«Fundido numa só peça»

Só um retoque (ou dois)

 

      «Em vez da tradicional cruz, a sepultura de Mário de Cesariny tem uma escultura em bronze, fundida de uma só vez, com um metro e setenta e quatro, exactamente a mesma altura que ele tinha» («Nos 10 anos da morte de Cesariny, “um lugar que é só seu”», Isabel Coutinho, Público, 9.12.2016, p. 24).

    Não será mais correcto dizer «fundida numa só peça»? Menos dubitativo: «escultura de bronze».

 

[Texto 7313]

Helder Guégués às 23:17 | favorito
Etiquetas: