Garantia de qualidade

Outras línguas

 

 

      Uma personagem da obra A Árvore das Palavras, de Teolinda Gersão, raras vezes vai à cabeleireira do bairro, prefere pintar o cabelo de loiro-cendrado em casa. Na drogaria da esquina, compra Color Shampoo Palette. «O resultado deixa-a satisfeita, como aliás ela esperava – as palavras estrangeiras na embalagem do produto parecem-lhe garantia de qualidade, dada a admiração incondicional que demonstra pelas outras línguas, de que não entende mais do que palavras soltas» (Lisboa: Sextante Editora, 2008, 6.ª ed., p. 60).

 

[Texto 4329]

Helder Guégués às 20:49 | comentar | favorito
Etiquetas: