Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Linguagista

«Haja Deus!»

Haja paciência

 

 

      «“Haja Deus!”, lê-se no documento de 140 páginas, escrito num tom forte e indignado. Quase três meses depois de 10 arguidos terem sido absolvidos dos crimes de burla qualificada e falsificação de documentos nas contrapartidas associadas à venda de dois submarinos a Portugal, o Ministério Público (MP) entregou um recurso ao Tribunal da Relação de Lisboa pedindo que a decisão seja anulada e o julgamento seja feito de novo» («MP arrasa juízes e pede novo julgamento», Micael Pereira, Expresso, n.º 2167, 10.05.2014).

     E escrevem assim, os magistrados do Ministério Público? Isto não é invocar em vão o santo nome de Deus? Estou a brincar (e persigno-me). Haja paciência, que não vejo nos dicionários, diz mais ou menos o mesmo.

 

[Texto 4541]

1 comentário

Comentar post