Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Linguagista

Léxico: «autofagocitose/autofagossoma/lisossoma»

Três de uma vez

 

      «A autofagia (ou autofagocitose) é um processo celular que dá origem à degradação de componentes da própria célula e é fundamental em processos fisiológicos como a adaptação à fome ou a resposta a infecções. […] Foi durante os anos 60 que os investigadores perceberam que a célula conseguia destruir o seu conteúdo envolvendo-o em membranas e formando pequenos sacos (uma espécie de vesículas chamadas “autofagossomas”), que eram transportados para um compartimento de reciclagem — chamado “lisossoma” — e degradados. A palavra “autofagia” vem do grego e significa “comer-se a si mesmo”» («O lado canibal das células», Andrea Cunha Freitas, Público, 4.10.2016, p. 32).

    Todos eles termos que faltam em muitos dos principais dicionários, como, por exemplo, no nosso Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânea da Academia das Ciências de Lisboa. Mas não apenas: o Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora, dos três, só acolhe «lisossoma». São termos técnicos, dirão, e por isso de interesse limitado. Discordo: o seu uso nos jornais força-nos a acolhê-los nos dicionários e a defini-los de forma simples mas exacta.

 

[Texto 7136]

Comentar:

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.