Léxico: «a distância | à distância»

Têm de estar os dois

 

      «O home office e o ensino a distância passaram a ser realidade em que muitos lares pelo mundo — a desigualdade, no entanto, faz com que muitos alunos não consigam acompanhar aulas remotas» («Leitores da Folha relatam aprendizados e dissabores do ensino a distância», Folha de S. Paulo, 16.05.2020, 00h00).

      Decerto, é pena que o Brasil — sobretudo a imprensa — ainda não conheça e empregue o termo «teletrabalho» para substituir aquele inenarrável home office, mas não deixa igualmente de ser lamentável que a Porto Editora apenas registe «à distância». Assim, não surpreende que, apesar de ser considerada menos correcta do que «a distância», vá predominando, a ponto de o falante médio (90 %, digamos) reputar «a distância» como brasileirismo. Em suma, correcto é, nesta altura, dicionarizar ambos.

 

[Texto 13 362]

Helder Guégués às 18:45 | favorito