Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Linguagista

Léxico: «agro-sistema»

Outra ausência

 

      «A dependência destas aves necrófagas das actividades começou com a revolução neolítica (há cerca de dez mil anos) e a progressiva substituição das manadas de herbívoros selvagens pelos rebanhos de ungulados e outras espécies domésticas. Assim, na península Ibérica, os abutres foram adaptando a sua alimentação aos agro-sistemas extensivos» («Por que razão os abutres de Espanha não vêm para Portugal?», Teresa Serafim, Público, 30.01.2018, p. 26).

      Usa-se e não é pouco. O Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora ignoro-o. Paulo Cesar Fulgencio, no seu Glossário Vade Mecum, define-o desta maneira: «Sistema ecológico natural, adaptado ao campo, utilizado para produção agrícola ou pecuária, segundo diferentes tipos e níveis de manejo, sem afetar o equilíbrio geológico, atmosférico e biológico» (Rio de Janeiro: Mauad, 2007, p. 38).

 

[Texto 8644]

2 comentários

Comentar post