Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Linguagista

Léxico: «arbitragem»

E devia

 

      «Orlando Nascimento abandona agora o cargo de presidente do Tribunal da Relação de Lisboa depois de, na última semana, ter vindo a público que autorizou o uso do salão nobre do tribunal para a realização de uma arbitragem (resolução privada de litígios) realizada pelo seu antecessor, Luís Vaz das Neves, que foi indevidamente remunerado por esse julgamento privado, e que é arguido por suspeitas de corrupção e abuso de poder no âmbito da Operação Lex» («“Não levo nada!” A despedida de Orlando Nascimento após a demissão do Tribunal da Relação», Rita Carvalho Pereira, TSF, 3.03.2020, 8h53).

      Não leva nada... E que queria levar para casa? Talvez os microfones e os computadores obsoletos. Quanto a arbitragem: está, neste sentido, bem explicado, e vejo que faltam acepções neste verbete no dicionário da Porto Editora. Basta ver que nem sequer há uma acepção especificamente relacionada com o desporto.

 

[Texto 12 889]

1 comentário

Comentar post