Léxico: «atum-rabil»

E ainda há mais

 

      «Para começar a refeição, os conhecidos petiscos a que dificilmente se resiste, como os búzios gratinados e o mexilhão à guilho, ou novidades, como o tártaro e o pica-pau de atum-rabil (vendido na lota desde janeiro, quando passou a ser possível a pesca), cuja carne é saborosíssima» («Tudo (ainda) mais apurado», Manuel Gonçalves da Silva, Visão, 27.06.2019, p. 110).

      O que o Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora regista é atum-rabilho, mas não é o mesmo.

 

[Texto 11 689]

Helder Guégués às 16:20 | comentar | favorito
Etiquetas: ,