Léxico: «bacalhoaria»

Que estranho mundo

 

      Em 1994, Jorge Ribeiro e Júlio Conrado escreviam que as cinco bacalhoarias da Rua do Arsenal em franca actividade lembravam que o fiel amigo ainda não fora destronado pelas saladas, pelo hambúrger, etc. (Lisboa: as Lojas de um Tempo ao Outro, Vol. 1. Lisboa: Editorial Notícias, 1994, p. 25). Não sei se ainda são cinco; sei que os dicionários não registam bacalhoaria, mas creperia e outras que tais têm logo assento dourado nos dicionários. Que estranho mundo...

 

[Texto 11 519]

Helder Guégués às 20:14 | favorito
Etiquetas: ,