Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Linguagista

Léxico: «bibliomóvel»

Nem o Estado

 

      «Mas a memória de José Dinis está marcada, também, em gerações mais recentes, como é o caso de Nuno Marçal, que trabalha há quase 15 anos no Bibliomóvel da Câmara Municipal de Proença-a-Nova e dinamiza um conhecido blogue sobre esta temática» («José Dinis, o dentista que levava livros Ribatejo adentro», Jorge Talixa, Público, 23.01.2021, p. 29).

      Quem não se lembra dos bibliomóveis Citroën HY da benemérita Fundação Calouste Gulbenkian? Fizeram o que o Estado não fazia.

 

[Texto 14 608]

Comentar:

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.