Léxico: «bolo do caco»

Pão, pão, queijo, queijo

 

      «Já não são poucas as hamburguerias no Porto, mas ainda faltava um espaço que servisse os seus hambúrgueres no tradicional bolo do caco» («Hambúrgueres no caco», Luísa Marinho, «Tentações»/Sábado, 26.02.2015, p. 15).

      Agora já há: é a Tasquinha do Caco, no Passeio de São Lázaro. Mas quanto ao que nos interessa: bolo do caco não está em nenhum dos dicionários que aqui tenho, e porventura em nenhum outro. Bolo é só de nome, pois é um pão redondo e achatado, de farinha triga, por vezes com batata-doce, mal cozido e com pouco fermento, típico da Madeira. O nome vem de ser cozido num assador de barro, conhecido por caco, pois claro, mas também se pode cozer numa frigideira (seria então a nossa pancake, bolo de frigideira) directamente sobre a cinza ou sobre brasas, como Paulo Moreiras ensina no seu excelente Pão & Vinho (Dom Quixote, 2014). Agora marchava um com manteiga de alho.

 

[Texto 5623]

Helder Guégués às 23:43 | comentar | favorito