Léxico: «cadernal»

Ainda chegaremos a saber

 

      «Canteiros do século XXI estão a reerguer pedra a pedra o varandim que contorna a torre de menagem do castelo de Beja, construída no século XIV. A única maneira de fazer este trabalho é como se fazia na altura da sua construção. “Todas as pedras são colocadas com recurso a cadernais e à força de braços” explica João Paulo, um dos técnicos da empresa a quem foi adjudicada a recuperação da estrutura» («Pedra a pedra, assim se remonta a torre que ruiu no castelo de Beja», Carlos Dias, Público, 31.03.2016, p. 13).

      No Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânea da Academia das Ciências de Lisboa, que, além das acepções náuticas, regista uma acepção de outro âmbito que não se adequa, não encontramos o que interessa. Está, porém, no Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora: «conjunto de quatro roldanas com uma alça comum». Mas, provavelmente, o Sr. João Paulo diria que não é nada disso. Pelo menos os que ele usa.

 

[Texto 6719] 

Helder Guégués às 21:54 | favorito