Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Linguagista

Léxico: «cânhamo | canábis»

O mesmo, ou quase

 

      «Já há perto de cem lojas que vendem produtos derivados do cânhamo, variante da canábis, em Portugal, com procura de todas as idades, desde os 18 anos aos idosos» («Há quase 100 lojas que vendem produtos derivados da canábis», Enzo Santos, Jornal de Notícias, 18.06.2022, p. 8). Será o cânhamo uma «variante» da canábis, como escreve o jornalista? Para a Porto Editora, cânhamo e canábis são a mesma coisa, basta ver a definição do primeiro: «BOTÂNICA designação comum às plantas herbáceas do género Cannabis, da família das Canabináceas; canábis». Não se trata da mesma planta — mas de espécies diferentes? E, sobretudo com relevância legal, distinguem-se pelas finalidades. O cânhamo industrial, que serve para fabricar diversos produtos, a começar em capachos, tapetes, etc., tem baixo teor em tetraidrocanabinol (THC), termo que vejo no Dicionário de Termos Médicos da Porto Editora, mas que me parece mal definido. Quanto à canábis, a sua finalidade medicinal está muito bem — o que o paizinho Estado quer é impedir o seu consumo recreativo.

 

[Texto 16 499]