Léxico: «cedro-da-madeira»

Um nunca acabar

 

      «Marcador para identificação das árvores a plantar, em cedro-da-madeira, dada a sua durabilidade e resistência. Inclui o logótipo do projecto e a indicação do respectivo número atribuído a cada participante. O marcador (disco) é dividido em duas partes, ficando metade na árvore plantada e a outra metade com o participante. Esta numeração facilitará a identificação da árvore em futuras visitas e regas e no acompanhamento do seu crescimento» («Secretarias regionais e Grupo Wider Property celebram protocolo de colaboração no âmbito do projecto ‘Plantar o Futuro’», Sandra S. Gonçalves, Diário de Notícias da Madeira, 29.11.2018, 14h15).

      No dicionário da Porto Editora, há três, mas não aquele: cedro-bastardo, cedro-de-espanha e cedro-do-buçaco. O cedro-da-madeira, ou cedro-das-canárias (Juniperus cedrus), foi esquecido. Atenção, pois o cedro-da-madeira, mais concretamente, tem o nome científico Juniperus cedrus subsp. Maderensis. Mais duas relacionadas que também foram esquecidas: aloespécie e semiespécie.

 

[Texto 10 685]

Helder Guégués às 21:29 | favorito
Etiquetas: ,