Léxico: «chapa»

Caramba, do ronga

 

   «Terra natal de Eduardo Mondlane, Samora Machel
 e Joaquim Chissano, Gaza é
 mais do que o berço dos pais
 da nação, é a única província moçambicana onde a oposição nunca elegeu deputados e a vitória da Frelimo permanece certa: “Chapa 100”, como ironizam apoiantes do partido, em alusão ao nome das carrinhas de transporte semipúblico, ou “Frelimistão”, capa do semanário privado Savana, após o desfile de pancadaria à passagem do líder do MDM» («Do Frelimistão à parte incerta», Henrique Botequilha, Público, 13.10.2014, p. 22).

      Porquê semipúblico? Bem, de momento o que interessa é que não está em todos os nossos dicionários. Não a encontramos, por exemplo, no Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora, que, no entanto, regista uma que acabei de conhecer, «xitique» (do ronga!). Mas não regista «xitiqueiro»...

 

[Texto 5146]

Helder Guégués às 15:48 | favorito
Etiquetas: