Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Linguagista

Léxico: «churchilliano»

Ora cá temos mais uma clandestina

 

      «O que é atrativo na imagem pública de Churchill é o modo como a sua personalidade é determinante na sua política. Churchill foi um governante livre, pouco preso a grandes ideologias mas suficientemente sensato para dar valor às tradições, de tal modo que os seus anos à frente da Grã-Bretanha têm um cunho retintamente churchilliano. Há algumas encrencas, próprias de um homem desembaraçado mas não excessivamente cuidadoso, alguma bravata e um heroísmo que, de facto, empurraram o país para uma jornada épica. É famoso o humor churchilliano, mas é também esta sua maneira de olhar para o seu próprio tempo com olhos novos que dão tão depressa à Segunda Guerra Mundial a noção de que se vivia um tempo histórico» («Churchill: o protagonista perfeito», Carlos Maria Bobone, Observador, 25.01.2020, 16h54). Não a tens, Porto Editora, mas vamos encontrá-la em bons dicionários e vocabulários.

 

[Texto 15 502]

1 comentário

Comentar post