Léxico: «cláusula barreira»

Preparemo-nos

 

      «O constitucionalista Jorge Miranda diz que a “cláusula-barreira” que estabelece que os votos não valem nada, [sic] abaixo de um determinado limite não fere a Constituição da República» («Jorge Miranda não é adepto de “cláusulas-barreira” que limitam a representação democrática», José Carlos Silva, Rádio Renascença, 29.10.2018, 19h00).

      Com hífen ou sem hífen (vejo-a mais sem hífen), deve ir para os dicionários, até porque já anda por aí há algum tempo. «O resultado não seria aproximar deputados dos cidadãos mas deixar sem deputados que os representem faixas importantes de eleitores e instituir na prática uma “cláusula-barreira” de cerca de três por cento no círculo nacional e muito mais do que isso nos pequenos círculos» (Sistema Eleitoral Português: Debate Político e Parlamentar, Manuel Braga da Cruz. Lisboa: Imprensa Nacional-Casa da Moeda, 1998, p. 211).

 

[Texto 10 219]

Helder Guégués às 21:01 | comentar | favorito
Etiquetas: ,