Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Linguagista

Léxico: «contenção | mitigação»

Um tudo-nada obscuro

 

      Sobre o verbete contenção, no Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora, duas notas: a acepção 5 deixará muita gente com a cabeça à roda: «variante de contensão, por flutuação ortográfica entre homónimos; grande esforço do espírito para adquirir um conhecimento ou remover uma dificuldade». Não é o único problema, mas nem sequer se perceber de imediato que se trata de uma observação metalinguística não o recomenda. Está também dicionarizada uma acepção da medicina: «conjunto dos meios usados para manter na devida posição ossos fracturados, órgãos deslocados, etc.». E a epidemiologia? «“Neste momento, estamos numa fase que em epidemiologia se diz que é a fase de contenção e nesta fase não está de todo indicado os cidadãos usarem de forma alargada este tipo de máscara”, reiterou [a enfermeira Goreti da Silva, do Programa Nacional de Prevenção e Controlo de Infeções e das Resistências aos Antimicrobianos (PPCIRA), da DGS]. No caso de se passar da fase de contenção para a fase de mitigação “as regras serão outras”, adiantou a enfermeira» («DGS esclarece que não é necessário uso de máscaras em Portugal», Lusa/TSF, 4.02.2020, 18h00).

 

[Texto 12 772]

2 comentários

Comentar post