Léxico: «estrangeirização»

É assim

 

      «A propósito da estrangeirização da Espanha, escreveu o seguinte: “Hoje estamos afrancesados, inglesados, alemanizados; pedaços sem alma de outras civilizações vão sendo trazidos ao nosso corpo por uma fatal aluvião de inconsciência. O facto de importarmos mais do que exportarmos é apenas a concreção comercial de um facto muito mais amplo e grave da nossa estrangeirização”» (O Pensamento Sócio-Político de Ortega y Gasset, Jesús Herrero. Lisboa: Edições Brotéria, 1980, p. 311).

      É inacreditável, mas mais depressa vai para os dicionários um termo como «gentrificação» do que este, que mesmo agora tive de usar numa tradução. (Não, precipitados — e as cadelas apressadas parem os cães cegos ­—, não estou a afirmar ou a insinuar que são sinónimos.) É assim.

 

[Texto 10 110]

Helder Guégués às 16:19 | favorito
Etiquetas: ,