Léxico: «festa branca»

Parece coisa inocente...

 

     No elevador, duas mulheres jovens, uma portuguesa e outra brasileira, iam a falar numa certa «festa branca». Hum... Há clientes para tudo, e o cliente tem sempre razão: a pudicícia dos nossos lexicógrafos é que tem impedido a chegada de festa branca aos dicionários. «Em cada encontro nunca faltava a “festa branca”, que era uma espécie de festa dentro da própria festa. Cedendo a vários pedidos, Alberto disponibilizava uma certa quantidade de cocaína para que um grupo restrito dos seus convivas pudesse dar largas às suas apetências» (Estranha Forma de Vida, Carlos Ademar. Alfragide: Oficina do Livro, 2007, p. 340).

 

[Texto 10 819]

Helder Guégués às 17:17 | comentar | favorito
Etiquetas: ,