Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Linguagista

Léxico: «flor-do-amor-eterno | estrela-alpina | estrela-das-neves»

Tão cosmopolitas (e acríticos)

 

      «A árvore de Natal da Praça de São Pedro, no Vaticano, vai ser decorada com luzes e uma tela com mais de sete mil estrelas alpinas secas, doadas por um paisagista piemontês, que vão dar o efeito de neve a cair» («Árvore de Natal, com 56 anos, já chegou à Praça São Pedro», Rádio Renascença, 23.11.2023, 16h00). E que estrelas alpinas são aquelas, que os nossos dicionários desconhecem? Ah, isso é inteiramente explicável pela nossa xenofilia (donde se conclui que as ideias do Chega são constitucionalmente contra a nossa índole), pois que só as conhecemos por edelvaisse (Leontopodium alpinum). As designações portuguesas, novas ou antigas, flor-do-amor-eterno, estrela-alpina e estrela-das-neves são completamente postas à margem.

 

[Texto 19 038]

3 comentários

Comentar post