Léxico: «fonetização | foneticização | cantonense»

Clandestinas

 

      «É na Suma Oriental de Tomé Pires que encontramos pela primeira vez uma fonetização sistemática em especial do cantonense (quantom, oquem, namtoo)» (Macau: Poder e Saber: Séculos XVI e XVII, Luís Filipe Barreto. Lisboa: Editorial Presença, 2006, p. 239).

     Nos nossos dicionários, nem fonetização nem foneticização; são palavras usadas em várias obras, mas, para todos os efeitos, clandestinas. Curioso... Pelo que vejo, nem sequer cantonense está em todos os dicionários. Depauperados.

 

[Texto 11 628]

Helder Guégués às 10:33 | favorito
Etiquetas: ,