Léxico: «fuzuê»

Paf!

 

      «É antes de mais incompetente. Depois de todo o fuzué a respeito das contas do PS, o PàF [Portugal à Frente, nome desinspirado, com sigla infelicíssima, da coligação CDS + PSD] apresente um programa sem compromissos precisos, sem descrever os instrumentos para as políticas, sem indicar prazos e medidas, portanto sem credibilidade. Evita o debate no país não dizendo quase nada sobre o que pretende para o país. Talvez tudo isto não seja então falta de “ousadia” mas antes pela língua de pau do poder, paroquial e cortês, sobretudo matreiro porque sabe que a “Europa” não autoriza veleidades» («Um bocejo bem perigoso», Francisco Louçã, Público, 8.08.2015, p. 46).

      Fuzué ou fuzuê é confusão ou conflito, que eu julgava que se usava apenas no Brasil. Brasileirismo, provavelmente de origem banta, é. Francisco Louçã tinha largas dezenas de alternativas, mas escolheu esta palavra como a mais adequada. Os políticos nunca sabem — nem sequer nisto — do que precisamos.

 

[Texto 6149]

Helder Guégués às 09:32 | comentar | favorito