Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Linguagista

Léxico: «hena»

Ena, pá!

 

      «Até agora, os motivos de preocupação estavam circunscritos às tatuagens temporárias à base de hena, com adição de parafenilenodiamina, corante natural proibido, responsável por reações alérgicas e eczemas de contacto» («Essa tatuagem é segura?», Clara Soares, Visão, 22.11.2018, p. 83).

      Mal se me depara a palavra hena, é logo em tatuagens temporárias que penso. É, por isso, estranho que a definição do vocábulo no Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora seja esta: «tintura castanho-avermelhada preparada a partir da casca e das folhas secas desse arbusto e que é usada cosmeticamente em produtos para pintar o cabelo».

 

            [Texto 10 461]

Comentar:

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.