Léxico: «huguenote»

Na sua maioria

 

      «Já por esses dias a catedral [de Notre-Dame] — um exemplo maior do gótico — fora alvo de primeiras ações de destruição quando, em 1548, huguenotes (protestantes franceses, na sua maioria calvinistas) danificaram ali algumas estátuas que viam como idólatras» («A história da resiliência de uma velha catedral», «Revista E»/Expresso, 19.04.2019, p. 18).

      É isso mesmo: «na sua maioria calvinistas». O Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora generaliza abusivamente ao afirmar que é o «nome dado na França aos sectários da doutrina de Calvino».

 

[Texto 11 381]

Helder Guégués às 22:13 | comentar | favorito