Léxico: «infixo | interfixo | circunfixo»

Concordo, não se percebe

 

      Uma pessoa, vamos chamar-lhe J. B., mandou-me uma mensagem de correio electrónico: «Estou aqui com uma dúvida e pensei que me podia ajudar. O z, por exemplo, em “avozinho”, é um infixo ou um interfixo? As definições na Infopédia não me ajudam.» Tem razão, não ajudam. Infixo, para a Porto Editora, é o «elemento que se intercala entre a palavra primitiva e o sufixo numa palavra derivada». Já interfixo é o «afixo que se localiza entre duas formas de base ou entre uma forma de base e um sufixo, como é o caso da vogal de ligação i em agricultor». Não se percebe a distinção, e quanto a interfixo tinham de se referir dois exemplos, porque se indicam, e bem, dois casos diferentes em que ocorre. A distinção nuclear é esta: o interfixo é uma vogal/consoante de ligação ou epentética sem carga semântica, um morfema vazio. Já o infixo (como também os prefixos, os sufixos e os circunfixos, sendo que estes até são olimpicamente ignorados por aquele dicionário) corresponde a morfemas com carga semântica. Em «facalhão», por exemplo, é de um infixo que se trata, porque contribui com carga semântica para o resultado. No caso da dúvida, «avozinho», temos um interfixo, porque o z, que se situa entre a base e o sufixo derivacional, é destituído de carga semântica.

 

[Texto 13 023]

Helder Guégués às 09:45 | comentar | favorito
Etiquetas: ,