Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Linguagista

Léxico: «inquisitoriedade»

É claro que precisamos dela

 

      «Os sentimentos e propósitos que essa sequência alberga podem ser na verdade vários: na severidade gestual, em que ressoam as formalidades, “então porque é que está aqui?”, da inscrição de uma vida activa à beira do fim mas à procura de novas oportunidades, pode ler-se algo da inquisitoriedade do cinema, da implacabilidade dessa coisa de colocar uma câmara perante alguém e torná-lo em objecto» («Um terno taxi driver», Vasco Câmara, «Ípsilon»/Público, 29.04.2022, p. 18).

 

 

[Texto 16 288]

Comentar:

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.