Léxico: «(ja)manta-oceânica»

Nome comum, erro comum

 

      Temos aqui mais jamantas: «Na base de dados do Manta Catalog Azores, constam 143 indivíduos de jamanta-chilena e 29 de manta-oceânica (Mobula birostris) — ambas as espécies com ocorrência entre Junho e Outubro, registada em anos diferentes, o que reforça a crença de que os montes submarinos constituem, de facto, “habitats importantes”. Devem, então, ser preservados» («Todas as jamantas e milhares de mergulhos, dos Açores para o mundo», Mariana Durães, Público, 29.03.2019, p. 34).

      Ora, dá-se o caso de, no verbete jamanta do dicionário da Porto Editora, esta Manta birostris aparecer — com a falha de sempre, a falta do nome comum. Em especial na tradução, os nomes comuns da botânica e da fauna são imprescindíveis, pelo que estarem dicionarizados contribui em muito para evitar mais erros.

 

[Texto 11 070]

Helder Guégués às 14:56 | favorito
Etiquetas: ,