Léxico: «jurassiano/juraico»

É o que sai

 

      «Os cadáveres dos dois pilotos do caça Mirage 200D que se despenhou quarta-feira no leste de França foram localizados esta quarta-feira, anunciou a ministra da Defesa, Florence Parly, em comunicado. [...] Na sua conta da rede social Facebook, a guarda do departamento do Jura precisou que o avião desapareceu “quando sobrevoava o maciço jurássico entre Mouthe (Doubs)/Mignovillard (Jura) e a fronteira suíça”» («Encontrados corpos dos dois pilotos do avião caça que se despenhou em França», TSF, 10.01.2019, 20h48).

      O que eu me rio com estes jornalistas! Meus amigos, relativo ao Jura, cadeia de montanhas da França e da Suíça, o adjectivo é juraico. Por acaso, está no Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora. Então, está tudo bem? Impossível! O Dicionário de Português-Francês regista jurassiano (jurassien em francês), mas, como está de relações cortadas com o Dicionário da Língua Portuguesa, este ignora-o. No Facebook, a Gendarmaria do Jura (ou Guarda, sim) escreveu que o avião francês desapareceu «alors qu’il survolait le massif jurassien entre Mouthe (Doubs)/Mignovillard (Jura) et la frontière suisse». Nem todos são ignorantes, pois então. Entretanto, no Houaiss (Lisboa, 2003), só «jurássico», tal como no Sacconi, que, no fim do verbete, lembra que é galicismo. Pois...

 

[Texto 10 571]

Helder Guégués às 22:08 | comentar | favorito | partilhar
Etiquetas: ,