Léxico: «lagartixa-das-berlengas»

Entretanto, nas Berlengas

 

      «Entre 2014 e o passado mês de Junho, o projecto mobilizou mais de 200 profissionais e voluntários interessados em estudar e proteger a vida selvagem da acção de agentes non gratos como o coelho, o rato-preto (que, durante o projecto, deixou de ser avistado na ilha), o chorão-das-praias (eliminado quase na totalidade, já que impede a fixação da flora nativa), a gaivota-de-patas-amarelas (que preda a lagartixa-das-berlengas e até outras aves marinhas), as redes de emalhar, as de cerco e o palangre (responsáveis pela morte de milhares de aves, como o alcatraz, a cagarra ou a galheta, todos os anos)» («Nas Berlengas, longe de tudo», Rute Barbedo, «Fugas»/Público, 13.07.2019, p. 7).

      Sim, lagartixa-das-berlengas (Podarcis carbonelli berlengensis), uma subespécie da lagartixa-de-carbonell, como o nome científico evidencia. Ausente de todos os nossos dicionários.

 

[Texto 12 038]

Helder Guégués às 07:52 | comentar | favorito
Etiquetas: ,