Léxico: «lesa-sociedade»

Falta a mais comum

 

      «Uma inteligência mal aproveitada, que se esgota em discussões sobre o sexo dos anjos, é, em definitivo, um crime de lesa-sociedade. Um país como este não se devia dar excessivamente a esse luxo» (O Dito e o Feito: Cadernos 1984-1987, João Martins Pereira. Lisboa: Edições Salamandra, 1989, p. 226). O dicionário da Porto Editora fica satisfeito, como muitos outros, com lesa-majestade e lesa-pátria, mas nós não. Nem nós, nem os falantes, nem alguns dicionários e vocabulários. E lesa-razão? Também esquecida, como era de esperar. Entretanto, como se portaram bem e não me interromperam, esse detestável vezo, dou-lhes todas as obras de Martins Pereira, aqui.

 

[Texto 11 176]

Helder Guégués às 18:53 | favorito
Etiquetas: ,