Léxico: «lomba»

«Come-molas» é melhor

 

 

   «Foram já concluídas as obras na avenida e no Largo da Igreja do Rosário, diz a autarquia. Também já foram colocadas “lombas” na Av. Bento Gonçalves, ao longo da qual existe um jardim muito utilizado para passeios e práticas desportivas e que funciona como uma marginal com vista privilegiada para Lisboa e o Mar da Palha» («Zona ribeirinha do Barreiro está a caminho de ser devolvida à população», Luís Nascimento, Público, 24.08.2014, p. 21).

    É só mais uma acepção da palavra «lomba», mas o jornalista acha que tem de lhe pespegar com aspas. Recentemente, revi um romance de um autor angolano e uma personagem dava a estas lombas o nome de come-mola ou quebra-molas. Bem visto.

 

[Texto 4988]

Helder Guégués às 06:27 | favorito
Etiquetas: ,