Léxico: «mabeco»

Paupérrimo

 

      «Este cão selvagem de orelha arredondada, manchas castanhas, pretas, brancas e alaranjadas e com uma cauda que termina num tufo branco é uma espécie em risco. Só existem 6600 em África, de acordo com União Internacional para a Conservação da Natureza e dos Recursos Naturais» («Primeiro o leopardo, agora os mabecos. Vida selvagem está de volta à Gorongosa», Sara de Melo Rocha, TSF, 16.04.2018, 8h56).

      Falta, entre outras coisas, o nome científico do mabeco, Lycaon pictus, mas não deixa de ser uma descrição muito mais rica do que a de muitos dicionários. No Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora, por exemplo, lê-se: «Angola ZOOLOGIA animal carnívoro selvagem semelhante ao cão». E, evidentemente, a referência apenas a Angola é errada. Também não estaria mal se registasse, no verbete, todos os sinónimos de «mabeco».

 

[Texto 9059]

Helder Guégués às 09:27 | comentar | favorito