Léxico: «meningogástrico»

Extinguiu-se

 

   «As enfermidades predominantes naquele foco insalubre são a caquexia, a febre meningogástrica, o tifo, a pneumonia aguda, os tubérculos e a tísica pulmonar.» Isto escreveu Ramalho Ortigão numa das Farpas (Lisboa: Livraria Clássica Editora, Vol. 12, p. 82). Entretanto, mais de um século depois, alguns dicionários — entre os quais os da Porto Editora — já não registam o adjectivo meningogástrico. Porquê?

 

[Texto 6111]

Helder Guégués às 19:41 | comentar | favorito
Etiquetas: ,