Léxico: «metilisotiazolinona»

Muitos nomes

 

      «De acordo com uma nota da autoridade do medicamento [Infarmed], “os produtos cosméticos não enxaguados da marca Biocode contêm na lista de ingredientes o conservante ‘methylisothiazolinone’, cuja utilização é proibida desde 12 de Fevereiro de 2017”, pelo que é ordenada a sua suspensão imediata da comercialização e a retirada do mercado» («Retirados do mercado cosméticos da Biocode por terem conservante proibido», Rádio Renascença, 30.05.2017, 7h06).

   É um conservante de acção biocida. Não sei se deve estar dicionarizado. Talvez. Seja como for, em português é metilisotiazolinona. O problema destes conservantes é que têm trinta ou quarenta nomes diferentes, e os consumidores desistem de indagar. A designação methylisothiazolinone já é suficiente para nos repelir, mas que dizer quando aparece com o nome 2-metal-4-isothiazolin-3-one?

 

[Texto 7884]

Helder Guégués às 09:58 | favorito
Etiquetas: