Léxico: «pampilho»

Nem vara nem planta

 

      Hoje não fui a Santarém, mas comi um delicioso pampilho. Na realidade, metade de um pampilho, que eu não quero ser um intelectual ventrudo (nem intelectual nem ventrudo, atenção). O dicionário da Porto Editora diz-nos que pampilho é a «vara comprida terminada em aguilhão para picar o gado; aguilhada; garrocha» (lá está, Santarém) e, na botânica, o «nome vulgar extensivo a várias plantas (em especial à também chamada malmequer), da família das Compostas, algumas das quais muito frequentes em Portugal». O nome do bolo é uma (doce) homenagem aos campinos do Ribatejo e existe desde a década de 1970. Portanto, aquele dicionário anda quarenta anos atrasado.

 

[Texto 10 880]

Helder Guégués às 20:10 | favorito
Etiquetas: ,